Quem sou eu e o que este blog.

Minha foto

Sou viciado em computação, Internet e Fotografia. Morei por quase 6 anos, e ainda frequento, Paraty. Sou usuário de softwares Open Source, tendo dado algumas contribuições em diversas ocasiões.

quarta-feira, 2 de março de 2011

Viajando de ônibus na chuva

No final de semana passado eu fui ao Rio de Janeiro, e voltei para Paraty no dia 28/02 (me esqueci completamente que era o aniversário da cidade e que teriam vários shows).

Na viagem de volta peguei uma baita chuva na estrada. Então coloquei a lente na câmera e resolvi viajar fotografando. Fiz um um bando de fotos, misturando técnicas diferentes, truques, brincadeiras, cenas etc.

Também me lembrei de um amigo, o Xikon, que tirou uma bela foto da água da chuva escorrendo pelo para-bisa do carro dele.

Algumas fotos estão delirantes, outras estão ruins mesmo.

A coleção de fotos pode ser vista no flickr, no meu orkut, locais nos quais se pode comentar individualmente cada foto, ou abaixo:

Muita chuva. Como a chuva no vidro do ônibus distorcia a imagem.


Árvores embaçadas.

Uma cachoeira na estradas, de muitas que eu vi.

Ponto de ônibus como abrigo.

A água escorrendo pelo vidro.






Como parte estava quase definido, e parte bem embaçado.







Parte definido e parte embaçado.



Rio barrento.

Rio barrento.



Alagado.

Alagado.


Carro encostado.

Chuva, e "anoitecendo cedo".


Pessoas sofrendo na chuva. Pena que não peguei o guarda-chuva azul e nem o ciclista de capa vermelha.


Sendo ultrapassado. Pena que não peguei uma boa ultrapassagem.

Faróis contrários.

Faróis contrários.

Curva adiante.

Mais uma árvore distorcida pela chuva.






Usina Nuclear.

Primeiras torres de alta tensão.

Primeiras torres de alta tensão.



Caminhão amarelo.

Vem alguém na curva.


Torre escondida.



Carro no sentido contrário.

Torre, tão distorcida pelo vidro molhado como o resto do mundo lá fora.

Curva adiante.

Ônibus em sentido contrário.

Rio barrento.


Última torre de alta tensão.



Ultrapassagem.

Pista...

Curva adiante.


Sendo ultrapassado.


Carro no sentido oposto visto por trás.

Já estava escuro demais para ver qualquer coisa bem definida. Encerrei a sessão de fotos.

Um comentário: